Sábado, Junho 22, 2024
Mais

    Artigos Recentes

    Cães ajudam emocionalmente alunos que assistiram a tiroteio, em maio, no Texas

    Em maio, a Robb Elementary – que agora está fechada e pode ser demolida em breve – foi palco de um tiroteio que vitimou 19 alunos e dois professores. Desde então, muitos alunos sentiram receio de voltar a uma sala de aula.

    Consequentemente, o medo e a ansiedade caracterizaram o regresso às aulas dos alunos da referida escola da cidade de Uvdale County (Estado do Texas), no passado dia 6 de setembro.

    No dia do retorno escolar, quando os pais deixaram os seus filhos na escola, alguns não quiseram sair do carro – mas 10 Golden Retrievers de todo o país que trabalham como cães de assistência emocional estavam no local, para ajudar a aliviar os nervos e a distrair as crianças e jovens. 

    Segundo Bonnie Fear, coordenadora de resposta a crises do ministério Lutheran Church Charities K-9 Comfort Dog, “havia muita hesitação e ansiedade em sair do carro e entrar na escola. Então, colocamos os cães do lado de fora, e acredito que isso ajudou algumas das crianças a acalmar”, disse Fear, cuja equipa forneceu também apoio à comunidade imediatamente após a tragédia de há quatro meses.

    Os dez cães (cada um com dois tratadores) irão apoiar oito escolas e oferecer conforto aos alunos durante as primeiras três semanas de aulas. 

    Desde ‘cumprimentos’ dos cães aos alunos, até se sentarem silenciosamente no escritório de um conselheiro para ajudar os alunos necessitados, tudo tem sido feito para atenuar a dor dos alunos.

    “Isto continuará a mudar à medida que as necessidades surgirem, e que as crianças entrem na sua rotina – e onde os cães forem necessários, os conselheiros irão nos instruir para onde ir”, disse Bonnie Fear. 

    A coordenadora adianta ainda que “o objetivo é estar presente com aqueles que estão a sofrer e com os necessitados”.

    Nos últimos anos, os cães de assistência emocional têm ajudado a apoiar comunidades afetadas pela violência armada. Como no caso de Newtown, Connecticut, após um fatídico tiroteio em 2012. Nas mesmas circunstâncias, repetiu-se a situação em Orlando e Parkland, ambos na Flórida, em 2016 e 2018, respetivamente.

    Coloque aqui o seu comentário

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Latest Posts

    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img

    Assine a nossa newsletter

    para ser atualizado com todas as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.