Sexta-feira, Junho 21, 2024
Mais

    Artigos Recentes

    Atenção aos Jardins: Flores Comuns que São Tóxicas para os Cães

    Se tem animais de estimação, é essencial estar ciente das plantas e flores que tem no seu jardim. Infelizmente, muitas das flores mais comuns e populares podem ser tóxicas para os cães, representando um sério risco para a saúde dos seus companheiros de quatro patas. Especialistas consultados pelo BestLife destacaram algumas dessas plantas e os perigos que elas apresentam.

    AJ Arapovic, especialista em cães e CEO da revista Showsight, alerta que “os narcisos e as tulipas podem ser flores populares do início da primavera, mas também contêm um alcaloide venenoso capaz de induzir vómitos, tensão arterial baixa e convulsões nos animais de estimação”. Além disso, os bolbos destas plantas possuem cristais altamente tóxicos que podem provocar arritmias cardíacas ou depressão respiratória. Os sintomas de intoxicação por narcisos ou tulipas geralmente surgem entre 15 minutos e um dia após a ingestão, destacando a necessidade de uma resposta rápida e imediata se suspeitar que o seu cão ingeriu alguma destas plantas.

    O perigo não se limita à primavera. Lorraine Rhoads, diretora de saúde e segurança da Dogtopia, adverte que as hidrângeas contêm uma toxina oculta e mortal chamada glicosídeo cianogénico. “Quando um cão mastiga esta planta, pode ficar com a boca cheia de cianeto”, explica Rhoads. Todas as partes da hidrângea, incluindo as folhas, os botões e as flores, contêm esta toxina, que pode causar vómitos, diarreia e letargia nos cães. Dado que as hidrângeas são flores comuns em muitos jardins, é crucial assegurar que estas plantas estejam fora do alcance dos seus animais de estimação.

    Além dos narcisos, tulipas e hidrângeas, há outras plantas comuns que também são tóxicas para os cães. Aqui estão alguns exemplos adicionais:

    • Azáleas e Rododendros: Contêm grayanotoxinas, que podem causar vómitos, diarreia, coma e até morte.
    • Lírios: Especialmente perigosos para gatos, mas algumas variedades podem também afetar cães, causando problemas gastrointestinais e renais.
    • Oleandro: Altamente tóxico, todas as partes desta planta podem causar arritmias cardíacas, vómitos e até morte.
    • Dedaleira (Digitalis): Contém glicosídeos cardíacos, que podem causar vómitos, diarreia, e arritmias cardíacas.

    Para proteger os seus animais de estimação, considere as seguintes medidas:

    • Identificação e Remoção: Identifique as plantas tóxicas no seu jardim e considere removê-las ou substituí-las por alternativas seguras.
    • Supervisão: Mantenha um olhar atento sobre os seus animais de estimação enquanto estão no jardim.
    • Educação: Informe-se sobre as plantas que são seguras e perigosas para os seus animais de estimação e partilhe essa informação com outros proprietários de animais.
    • Consultas Regulares: Leve os seus cães para consultas veterinárias regulares para garantir que estão em boa saúde e para discutir qualquer preocupação sobre a exposição a plantas tóxicas.
    Atenção aos Jardins: Flores Comuns que São Tóxicas para os Cães
    Fonte: Notícias ao Minuto

    Coloque aqui o seu comentário

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Latest Posts

    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img

    Assine a nossa newsletter

    para ser atualizado com todas as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.